terça-feira, 8 de novembro de 2011

Comprar o excepcional compensa?

 

Muito frequentemente nos deparamos com decisões que temos de fazer acerca das nossas compras. Pode tratar-se de uma escolha dificil pois são bastantes os factores que têm influência sobre nós, tais como: preço, qualidade, atractividade, publicidade e muito mais.

Quanto mais estivermos conscientes destas variáveis e soubermos fazer uso da PONDERAÇÃO mais bem sucedidos seremos no acto de comprar. Esta ponderação pode valer-nos muito dinheiro.

Raramente compro alguma coisa por impulso (isto excluíndo os gastos com alimentação, mas já agora saiba que se comer antes de ir às compras de comida terá tendência a gastar menos). Em primeiro lugar penso que é muito importante fazermos a análise se realmente necessitamos daquilo que queremos adquirir. Quando damos por nós temos montes de gadjets em casa que não utilizamos, não têm qualquer tipo de valor depois de adquiridos e vão estar montes de tempo em nossas casa a ocupar espaço. Tudo isto emagrece a nossa carteira, aumenta a poluição do meio ambiente, em resumo penso que diminua a qualidade de vida de todos nós, o excesso de consumo!

Depois de decidir que quer levar a sua compra avante, e também lhe recomendo que evite ao máximo as compras por impulso, espere uns dias, por vezes perdemos o interesse pelas coisas… Mas se realmente é algo que desejamos mesmo então vamos a isso!

Há uns dias atrás dirigi-me com a minha viatura a uma oficina uma vez que esta estava com dificuldades em pegar. Feito o diagnóstico de falta de bateria eis que chega o orçamento. Cerca de 150 euros, isto porque a bateria é de uma marca EXCEPCIONAL que oferece garantia XPTO e com super duração. Pus-me a fazer umas contas rápidas e percebi que tinha adquirido a minha bateria anterior por metade do preço que agora me pediam (uma bateria low cost que me durou cerca de 5 anos). Será que vale a pena pagar o dobro por mais um ano de vida de garantia? Pois porque duvido que esta passe dos 6 anos de vida. Esta pequena história apenas para reflectirmos em conjunto sobre a importância de ponderarmos bem as nossas aquisições.

Já imaginou quanto pode poupar ao ser PONDERADO e adquirir o EXCEPCIONAL apenas quando se justifica?

Sem comentários:

Enviar um comentário