segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Bancos Online


Muitas vezes é possível amealhar mais uns trocos recorrendo a uma conta num banco online.

Este conceito low cost, tal como tem surgido nas mais diversas actividades tem como objectivo juntar as necessidades dos clientes (preços mais baixos) à necessidade dos bancos (angariar mais clientes).

Estes bancos conseguem oferecer melhores condições aos seus clientes uma vez que possuem um número reduzido de balcões e as despesas associadas com os espaços e funcionários ficam bastante reduzidas.

Ao contrário do que se possa pensar estes bancos são seguros, até porque alguns deles fazem parte do grupo de outros bancos. Como é o caso do Best que pertence ao BES e do ActivoBank que pertence ao grupo MillenniumBcp.

 

Vantagens dos bancos online


- Isenção de manutenção de conta

- Cartão de crédito sem anualidade

- Taxas mais baixas, no caso das transferências, pedidos de cheques, operações de bolsa, etc.

- Taxas de juros dos depósitos a prazo geralmente mais elevadas

 

Desvantagens dos bancos online


- Reduzido número de balcões, o que exige que seja os clientes sejam expeditos no uso da internet e telefone para fazer a quase totalidade das operações.

 

Alguns dos bancos online existentes


ActivoBank - Permite a aquisição de um iphone a preços mais simpáticos

- Banco Big

Best


Pode tratar-se de uma excelente opção para segunda conta bancária onde podemos aproveitar o cartão de crédito sem anualidade e fazer depósitos com taxas mais atractivas.

Para quem tenha conta num banco onde seja obrigado a pagar despesas de manutenção mensal de conta, trata-se de uma boa alternativa. Normalmente quem não tem conta ordenado ou não tem activos acima de um certo valor é obrigado a passar essas despesas de manutenção de conta que não são nada agradáveis.

O que lhe parece? Quem não arrisca não petisca…

 

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Depósitos garantidos até 100 mil euros

 






 

Recentemente foi prorrogada a lei que protege os depósitos até 100 mil euros. Esta medida protege a todos nós que temos algumas poupanças no banco (ou que gostaríamos de ter) de eventuais falências.

Por isso, os depósitos a prazo tratam-se dos produtos financeiras mais seguros que existem e actualmente até estão a beneficiar de taxas de juro bastante atractivas, contrariamente ao que se tem verificado nos últimos anos. Presentemente podem-se obter taxas brutas na ordem dos 3-5% ao ano.

Esta lei protege-nos contra eventuais falências de Bancos no que diz respeito aos depósitos. Por exemplo No Caso do Banco Privado Português que faliu recentemente está em curso a indemnização dos titulares de depósitos.

Esta garantia resulta de uma transposição que visa a harmonização dos limites dos sistemas de garantia de depósitos na Europa, num processo liderado pelo Banco de Portugal.

 

 

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Comprar em segunda mão

Muitas vezes somos levados a adquirir coisas de que na verdade não necessitamos ou que acabamos por perder o interesse por elas. Normalmente acabam por ficar acumulados nas nossas caves/sotãos/arrecadações…

Comprar em segunda mão é uma oportunidade de muitas vezes se adquirem produtos quase como novos a preços mais acessíveis. A compra de um carro usado é um destes exemplos, os carros desvalorizam muito depressa nos primeiros anos, então muitos de nós optamos por comprar usado. E parece-me uma excelente opção pois permite-nos ter o que queremos a um preço mais baixo. O mesmo pode acontecer com muitas outras coisas, embora fiquemos normalmente de pé atrás com esta possibilidade devido a algum risco que lhe está associado.

Para além do óbvio benefício económico também existem enormes vantagens ambientais/ecológicas, uma vez que se está a reciclar e com isso a poupar o nosso meio ambiente.

Claro que quem diz comprar diz também vender e assim arrecadar uns trocos que provavelmente nunca mais iria ver. Quanto mais depressa tomar a decisão de vender algo menor a desvalorização que sofrerá, salvo algumas excepções que aumentam de valor com a idade (colecções por exemplo).


É possível fazer estas compras online em alguns sites de classificados e de leilões, com o conforto da encomenda chegar a sua casa através dos correios. Alguns destes sites apresentam um sistema de feedback aos utilizadores o que pode ser um bom indicador para verificar a credíbilidade de um vendedor. No caso de compras mais valiosas há sempre a possibilidade de combinar um local com o vendedor para verificar com os seus próprios olhos as condições actuais do produto usado.

Também o poderá fazer compra e venda de artigos usados nalgumas feiras e lojas existentes.

Sites de classificados/leilões


OLX

Ebay [internacional]

CustoJusto

Coisas

Jornal Ocasião

Classificados de Imóveis


Imovirtual

Casa Sapo

BPI Expresso Imobiliário

Classificados de automóveis


Stand Virtual

Auto Sapo

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Apertar o cinto até onde?


 

Apertar o cinto tem-se tornado uma expressão muito recorrente nos últimos anos no mundo da Política e nada mais é que uma metáfora para “temos de reduzir as despesas”.

Certamente que muitos de vós, tal como me acontece a mim também, percebe que o cinto já está muito apertadinho. E também acontece estar a apertar o cinto vezes de mais… E então vale a pena apertar tanto?

Cada um de nós deve avaliar a sua situação financeira e a importância de fazer uma poupança mensal (10% a 15% dos rendimentos já é bem bom) e ver se há folga ou não para disfrutar mais um pouco. Se por um lado sou contra o consumismo exagerado no que diz respeito a produtos adquiridos que hás vezes nem sequer saem da prateleira, penso que apostar em novas experiencias pode dar-nos ânimo para continuar a viver sempre com um sorriso na cara.

Portanto acho que devemos apostar naquilo que realmente nos dá prazer como é o caso de um jantarzinho fora, umas férias… Todas estas experiências que nos fazem crescer e nos deixam memórias vivas são importantes de se ir fazendo… Agora todos os telemóveis (topo de gama ou não) que já nos passaram pelas mãos… esses passam rápidamente para um segundo plano.

Fica então hoje um post mais reflectivo e menos técnico.

Aproveitemos a vida, pois ela tem muito para nos dar, mesmo que poupadinhos! ;)

 

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Poupar no oculista

 


 

Poupar em óculos

Certamente já reparou que os óculos quando têm de ser adquiridos representam uma boa fatia do orçamento desse mês e também por isso seja um motivo para arrastarmos a compra de óculos novos por algum tempo.

Felizmente também nesta matéria surgiram novas alternativas no mercado, as lojas de óculos low cost.

Conheço o caso de uma pessoa que na fábrica de óculos no Cacém comprou uns óculos completos (lentes + armação) por menos de 100€ (isto já com lentes anti reflexo e anti risco), curiosamente eu na mesma altura paguei o triplo desse valor por uns óculos equivalentes numa dessas ópticas que vemos todos os dias nos centros comerciais.

Embora não conheça nenhum caso em concreto em relação à Optical Low Cost certamente que poderá obter também preços mais baixos.

Nada como fazer uma visita e perguntar preços, um direito de todos nós consumidores.

Em relação à qualidade não acredito que fique comprometida pois  as lojas são obrigadas a cumprir padrões de qualidade exigidos pela legislação.

 

Poupar em lentes

Há uns tempos li num blog o caso de alguém que conseguiu poupar imenso em lentes de contacto. Cerca de metade do preço do que nas outras ópticas mais comuns e pelo que li a pessoa estava muito contente com o facto de as ter adquirido online, no site www.lentesdecontacto.pt

As lentes chegam-lhe a casa através dos correios o que pode ser muito prático. Não perde nada em dar uma olhada no referido site.

Se tiver alguma outra sugestão a fazer deixe um comentário… ;)

 

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Dropbox: partilha gratuita de ficheiros

 



Hoje vou falar-vos de um serviço gratuito que me tem sido muito útil nos tempos.

O dropbox é um disco virtual que oferece 2,25 GB de espaço num servidor, o que nos permite ter uma pasta com ficheiros sincronizados em diversos computadores (fixo, portatil, trabalho, etc). Também é possível aceder aos nosso ficheiros/pastas através do site do dropbox.

Muitos de nós temos um computador fixo e um portatil e torna-se complicado por vezes ter os ficheiros sempre sincronizados. Com o dropbox basta ter uma ligação à internet e cada vez que editar/criar ficheiros eles serão automáticamente carregados no servidor e estarão disponíveis em todos os seus computadores.

Isto é muito útil para estudantes que por vezes têm de trabalhar na escola e em casa, mas também para os profissionais que por vezes trazem algum trabalho para casa. Dá imenso jeito ter esta sincronização automatica, evitando assim as imensas dores de cabeça com pen drives atrás de si (isto quando não se esqueçe dela ou a perde).

Se os 2,25GB que o dropbox lhe oferece forem insuficientes poderá sempre optar por pagar para ver este espaço aumentar consideravelmente ou então também poderá recomendar o serviço aos seus amigos e assim ganhar 250MB de espaço extra com cada um que se registar.

Quem quiser experimentar poderá fazê-lo aqui! E assim estará a aumentar em 250MB o meu espaço! ;)

Outra funcionalidade do dropbox é que permite a utilização de uma pasta partilhada com outros utilizadores.

Ainda é possível encontrar ferramentas muito uteis e gratuitas que nos permitem assim dar uma volta à crise.