quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Bolsa em 2014

O que esperar do desenvolvimento da bolsa para este ano de 2014?

No inicio do ano passado mencionei aqui no blog que seria uma boa altura para investir na bolsa (tendo em conta todos os riscos adjacentes claro).

A verdade é que a bolsa em Portugal (PSI 20) acabou por subir cerca de 16% no no espaço de um ano. Trata-se de um rendimento muito generoso face ao que conseguiria com outra aplicação, sendo que os depósitos a prazo estão a pagar uma média de 1% ao ano.

Um investimento seguro que recomendo neste momento são os certificados do tesouro poupança mais que podem ser adquiridos nos CTT com taxas anuais brutas entre os 2.75 % no primeiro ano e os 5% nos dois últimos. (só é obrigado a manter o capital durante um ano)

Em 2013 tive a sorte de ter acções do BCP que valorizam para perto do triplo. A verdade é que também já tinha perdido anteriormente.

 

Cuidados a ter


- Como já aqui tenho mencionado o investimento em bolsa deve ser considerado de longo prazo (5anos) para assim evitar quedas. No entanto é importante comprar acções que tenham potencial de subir.

- Comece  a investir valores pequenos para se familiarizar.

- Sendo o investimento em acções arriscado não convém que invista mais de 20% das suas poupanças. (depende do seu perfil de risco e idade)

- Tenha atenção às comissões cobradas pelo banco. Existem outras plataformas existentes que cobram menos.

 

Quais as acções do Psi 20 que eu compraria em 2014


(Tenha cuidado, como sempre ouvi dizer conselhos todos ouvirás e só os teus seguirás. O investimentoem bolsa não garante o seu investimento inicial)

- Bes

- Galp

- Jerónimo Martins

- Corticeira Amorim

- Cofina

 

Estas são acções que teoricamente vão valorizar no futuro. Também realizei alguns cálculos de análise fundamental que me ajudaram a chegar a estas empresas.

 

Onde se pode informar

A deco apresenta um site muito completo, com recomendação de especialistas e muitas análises de empresas. Para ter acesso à melhor informação necessita de subscrever as publicações. Eu subscrevi as publicações da deco - proteste Investe e estou satisfeito com a qualidade da informação.


Sem comentários:

Enviar um comentário