sexta-feira, 22 de maio de 2015

Poupar em eletricidade e gás

A eletricidade no mercado livre


No mercado livre da electricidade é importante deixar claro dois conceitos: quem faz a distribuição e quem comercializa a electrecidade. Em Portugal, a distribuição eléctrica está ao abrigo da EDP Distribuição, o que significa que qualquer ligação a esta rede será feita segundo as condições desta companhia. No caso da comercializadora, o cliente tem a liberdade de escolher a companhia (das acima mencionadas), que melhor se adapata às suas necessidades. Desta forma sabemos que a qualidade do fornecimento é sempre a mesma, independentemente da comercializadora, pois esta é da responsabilidade da EDP Distribuição.


O gás natural no mercado livre


A ligação à rede é realizada através da distribuidora de gás natural. O que significa que seja qual for a companhia comercializadora que o cliente contrate, a qualidade será sempre a mesma, sendo da responsabilidade da distribuidora da zona.  Nos mercado livre de gás natural, temos como princpais companhias a actuar: a EDP comercial, a Galp Energia e a Goldenergy.


Comparar as tarifas energéticas


Pode-se afirmar que o primeiro passo para a mudança é proceder à comparação das tarifas energéticas, das diferentes companhias. É, sem dúvida, um dos passos mais importantes, pois é aquele que nos ajudará a analisar a nossa situação actual face a uma possível mudança que nos ajudará a melhorar o nosso consumo, ou seja, que nos ajudará a poupar. A Lojaluz tem um papel fulcral nesta fase, pois pode encontrar no seu site ou através de um contacto telefónico, todos os esclarecimentos, quanto a tarifas vigentes no mercado livre energético e, automaticamente, terá respostas às suas dúvidas como, mudar ou não de companhia, passar para o mercado livre ou não, quanto vai poupar e como funcionam todos estes procesos.


Alterar a potência


Outra questão que não deve ser descurada é a da potência contratada. Quando o cliente efectua uma nova ligação da luz deve fazer um estudo prévio e saber que potência deve contratar. Para tal, pode solicitar o serviço de um eletricista profissional ou, pode através de estimativa, calcular o consumo habitual. O consumidor deverá dispor de uma ficha técnica ou certificado onde conste indicado a potência que pode contratar.  A potência que o cliente escolher num momento, não é fixa, podendo mudá-la quantas vezes necessitar de acordo com as suas necessidades.


Poupar na energia


A luz é um serviço básico de que todos temos necessidade. Assim, é importante ser inteligente nas escolhas que são feitas, de forma a poupar na eletricidade. Com todas as informações acima referidas, e conjuntamente com a ajuda da LojaLuz, do seu site e de um atendimento personalizado, o cliente poderá poupar, significativamente, na sua fatura de energia. Para tal, terá de avaliar as ofertas existentes no mercado, perceber qual a que melhor se adapta às suas necessidades e, por fim, contactar a companhia escolhida para que seja dado início ao processo de mudança e, acima de tudo, de poupança.



A LojaLuz pertence ao Grupo empresarial Selectra que se tem afirmado como uma verdadeira ajuda no processo de selecção da melhor solução para os consumidores de luz e gás, que pretendem acima de tudo, conhecer as ofertas de poupança presentes no mercado.A loja luz faz a mediação entre a relação companhia-cliente, direccionando as soluções oferecidas pelas empresas, às necessidades dos consumidores. actualmente. Para isso oferece alguns calculadores e simuladores.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Poupar em iluminação: lâmpadas leds

Como muitos de vós já deve ter reparado facilmente temos contas de electricidade bastante elevadas. Há alguns truques que devemos ter em consideração para poupar em energia eléctrica.

A utilização de lâmpadas led é uma excelente aposta e garante o retorno do investimento.

A utilização de lâmpadas economizadoras também é uma boa aposta quando as lâmpadas led ainda são um grande investimento.

No meu caso tenho tinha lâmpadas na minha sala de 50W que foram substituídas por lâmpadas led de 5W que emitem uma luz semelhante.
 

Fazendo a conta a 6 lâmpadas em utilização uma hora diária (que normalmente até é mais), tenho um consumo de 300w por dia, 9000w por mês e 106800w por ano. Ou seja considerando o custo de Kw/h de cerca de 10 cêntimos. Tenho um gasto anual de 10,6 € com as lâmpadas antigas e de 1,06€ com as lâmpadas led novas.

Sendo que cada lâmpada led me custou 5 euros, ao final de cerca de 3 anos tenho o investimento pago e começo a poupar.

Os leds que comprei têm uma vida útil de 15000horas, ou seja pela conta de uma hora de utilização por dia dá cerca de 40 anos. (este valor parece um pouco exagerado, mas mesmo que sejam 6-10 já poupara dinheiro).

Comece por substituir aquelas lâmpadas que mantêm acessas durante mais horas e começara a ver a sua fatura da electricidade reduzida.

Boas poupanças!